Procurando extrair a subtileza do imaginário, há em cada ilustração uma espécie de jogo provocatório entre o científico e o surreal, a realidade e o fantástico, como uma história que rompe a superfície da consciência.

Sara Feio nasce em Lisboa, no seio de uma família artística peculiar – a avó professora de Artes e pintora, os pais actores – é na ilustração que encontra a sua língua materna.

As personagens criadas por Sara sobressaem com a escolha de técnicas únicas, como o stippling. Procurando extrair a subtileza do imaginário, há em cada ilustração uma espécie de jogo provocatório entre o científico e o surreal, a realidade e o fantástico, como uma história que rompe a superfície da consciência.

Na busca pela versatilidade, a ilustradora vai procurando e descobrindo novas formas de conjugar o manual ao digital, valorizando-os mutuamente. Na diversidade dos seus projectos, salienta-se Pernas de Alicate, lugar onde a imagem e o som se unem.

Fora do atelier, é a mãe de duas gatas cegas, com as quais partilha um amor incondicional.

Sara Feio was born in Lisbon to a unique artistic family – her grandmother an Art teacher and painter, her parents Actors – she found her voice through the medium of Illustration.

The characters created by Sara stand out with the use of distinct techniques such as stippling. Each illustration is a provocative exchange between scientific and surreal, reality and imagination, a story that breaks the surface of perception.

The illustrator’s pursuit of versatility has her constantly searching for striking new ways to combine handmade and digital image-making. In Sara’s work amplitude Pernas de Alicate emerges as a collaboration focused project where images and sound come together.

Outside the studio she’s also the mother of two blind cats with whom she shares unconditional love.